Nota de pesar - Ana Maria Almeida Vitalino

 

A Portela lamenta comunicar o falecimento de Ana Maria Almeida Vitalino, de 73 anos, sobrinha da baluarte dona Neném, que nos deixou na última segunda-feira, aos 95 anos. Segundo familiares, Ana Maria estava internada no Hospital Geral do Ingá, em Niterói, e faleceu nesta sexta-feira (8), vítima da Covid-19. O sepultamento será neste domingo (10), às 15h, no Cemitério do Pechincha, em Jacarepaguá.

Filha de Béia, irmã de dona Neném, Ana Maria foi criada como filha pela viúva do saudoso Manacéa. Ela também morava na famosa casa da Rua Compositor Manacéa (antiga Rua Dutra e Melo), em Oswaldo Cruz, onde a Velha Guarda Show da Portela se reunia para ensaios e gravações.

Ela começou a frequentar a escola ainda criança e chegou a desfilar como baianinha à frente da bateria de mestre Betinho, na década de 1960. No Carnaval 2020, veio no último carro alegórico, ao lado dos integrantes da Velha Guarda Show. O convite partiu da pastora Áurea Maria, que tinha Ana como irmã.

Ana Maria deixa dois filhos, Alex e Alessandra, além de netos.

O presidente Luis Carlos Magalhães, o vice-presidente Fábio Pavão e toda a diretoria da Portela lamentam profundamente o falecimento de Ana Maria e se solidarizam com seus familiares e amigos. Força, Áurea Maria, nossa conselheira, e a todos da família de dona Neném e seu Manacéa!



Foto: Paulo Henrique Souza
Legenda: Ana Maria (à esquerda) posa com pastora da Velha Guarda Áurea Maria, filha de dona Neném, e mais um amigo durante a concentração para o desfile do carnaval de 2020

Fonte.:  www.gresportela.com.br